07/12/2017
EXPLORAÇÃO MINERAL

CME promove audiência pública sobre o Renca

A Comissão de Minas e Energia (CME) promoveu, dia 6 de dezembro, audiência pública sobre a Reserva Nacional do Cobre e Associados (Renca). 
 
O deputado, Cabuçu Borges (PMDB-AP), pediu a realização do debate e lembra que o presidente Michel Temer assinou decreto 9.142/17 em agosto, com o objetivo de atrair investimentos para o setor de mineração. Entretanto, com a repercussão negativa da medida, o governo decidiu revogar o decreto em setembro, por meio de outro decreto, o 9.159/17.
 
Criado em 1984 para evitar a exploração mineral por empresas privadas e garantir a pesquisa pelo Governo, a Renca atualmente abrange nove áreas protegidas, entre unidades de preservação ambiental e terras de duas tribos indígenas. “Não se sabe, até hoje, qual é o verdadeiro potencial da área. No entanto, existem focos de garimpos ilegais, como vem sendo denunciado nos meios de comunicação”, afirma Borges. 
 
Entre os debatedores estiveram a diretora do Departamento de Desenvolvimento Sustentável na Mineração, do Ministério de Minas e Energia, Maria José Gazzi Salum; o advogado Antônio da Justa Feijão; e a pesquisadora da Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM) Lucia Travassos da Rosa Costa. 

Veja também

08/09/2017
EXPLORAÇÃO MINERAL | Adimb dará cursos de aperfeiçoamento
23/08/2017
EXPLORAÇÃO MINERAL | Sai o decreto de extinção da RENCA
18/05/2017
EXPLORAÇÃO MINERAL | ADIMB realiza VII Encontro de executivos
11/04/2017
EXPLORAÇÃO MINERAL | O primeiro passo para o fim da RENCA
20/03/2017
EXPLORAÇÃO MINERAL | Como trazer de volta os investimentos?