16/09/2015
FERROVIAS

Vale inaugura trem definitivo de passageiros na EFC

A Vale iniciou, dia 14 de setembro, a operação definitiva do novo trem de passageiros da Estada de Ferro Carajás (EFC), que ligará as estações ferroviárias de São Luís, Maranhão, à Parauapebas, no Pará. Foram investidos US$ 55,6 milhões na nova frota da EFC, de um total de US$ 135 milhões que também inclui a aquisição do novo trem de passageiros da EFV.

No ano em que completa 30 anos de operações nos dois estados, a renovação do trem de passageiros é considerado um marco para a Companhia. A Vale adquiriu 39 carros, sendo seis executivos, 21 econômicos e 12 de serviços, equipados com lanchonete, restaurante, área especial para cadeirantes, bagageiro e gerador. Cada carro tem capacidade para transportar 60 pessoas, enquanto nos econômicos a capacidade é de 79 passageiros. A composição tem ainda detector de fumaça, o que aumenta a segurança dos usuários.

Os carros são climatizados e os banheiros priorizam o uso sustentável dos recursos naturais. Neles, houve a troca do papel toalha por ar quente para a secagem para mãos ; sistema de descarga à vácuo, que reduz o consumo de água, e monitores de vídeos. Os vagões executivos contam ainda com sistema de som e iluminação individualizados. Outra novidade são as poltronas mais confortáveis, que comtemplam também carros-restaurante e cadeirante. “Este novo trem de passageiros da EFC é um marco na história da Vale e um presente em comemoração aos 30 anos de operação nos dois estados. Essa conquista é um ganho para os mais de 320 mil passageiros que são transportados anualmente pela EFC”, disse o Diretor de Operações da EFC, Cláudio Mendes.

Os novos carros têm displays externos e internos que exibem informações gerais sobre a viagem, como dados como destino e trajeto do trem, número de carros, estações e paradas de embarque e desembarque. Com o novo trem climatizado, as conhecidas “bandequeiras” – pessoas que vendem alimentos às margens da ferrovia – deixarão de vender seus produtos nas janelas do trem. A Fundação Vale implantou o Programa Apoio à Geração e Incremento de Renda (Agir) EFC. Em parceria com instituições especializadas, a Fundação Vale promoverá capacitações e auxiliará esse público  na procura por novos mercados consumidores. As famílias de cerca de 200 empreendedores de seis cidades do maranhão são beneficiadas pelo Agir. Ao todo, 22 negócios estão em desenvolvimento nestes municípios, e um no Pará. O projeto inclui qualificação e formalização do trabalho, capacitação em gestão integrada do negócio, remodelagem de embalagens e criação de logotipos, fomento ao trabalho coletivo e fortalecimento da autonomia e autoestima das participantes.