03/08/2020
TRANSPARÊNCIA FISCAL

Vale divulga primeiro relatório anual

A Vale publicou a primeira edição anual de seu Relatório de Transparência Fiscal, como parte de seu novo pacto com a sociedade e da jornada para avançar no engajamento com seus stakeholders. Em 2019, a Vale pagou US$ 4,5 bilhões em impostos e royalties em âmbito mundial, dos quais mais de 90% (US$ 4,2 bilhões, que equivalem a R$ 16,7 bilhões) foram pagos no Brasil – onde está localizada a maior parte das suas operações. 

A quantia de US$ 4,5 bilhões corresponde a mais de 10% da contribuição econômica total da Vale em 2019. Além do pagamento de tributos, a contribuição inclui custos operacionais, salários e benefícios de empregados, entre outros. O relatório estabelece os princípios para a abordagem da Vale em relação a tributos e investimentos e inclui informações relacionadas a tributos sobre renda, mineração, folha e produtos e serviços, entre outros, fornecendo dados sobre pagamentos no Brasil, Canadá, Indonésia, Moçambique e Nova Caledônia. 

O Relatório antecipa em um ano o compromisso da mineradora em ser mais transparente. A publicação do relatório estava prevista inicialmente para 2021, de acordo com o plano de ação para cumprir os compromissos ESG. O Relatório de Transparência Fiscal demonstra o compromisso da Vale com a transparência, ao seguir os princípios recomendados por entidades internacionais como o Conselho Internacional de Mineração e Metais (ICMM, acrônimo em inglês) e a Iniciativa de Transparência da Indústria Extrativista (EITI, acrônimo em inglês). O documento está no portal ESG http://www.vale.com/esg/pt/Documents/Relat%C3%B3rio%20de%20Transpar%C3%AAncia%20Fiscal%202019_pt%201.pdf.