10/12/2020
NOVA CALEDÔNIA

Vale assina venda de participação

Subsidiária da Vale, a Vale Canada Limited (VCL) assinou um acordo vinculante de opção de venda de sua participação na Vale Nouvelle-Calédonie S.A.S. (VNC). A mineradora havia anunciado, em novembro, período de exclusividade para negociações com um consórcio formado em uma nova empresa chamada Prony Resources, liderada pela atual administração e funcionários da VNC e apoiada pelas autoridades caledonianas e francesas com a Trafigura como acionista minoritária. 

O acordo de venda da participação da VNC na Nova Caledônia sinaliza para uma nova estrutura societária com participação doméstica significativa e que leva em consideração os objetivos de responsabilidade social e ambiental, especialmente o lançamento do projeto de empilhamento a seco chamado Lucy. Além disso, o acordo atende o cumprimento ininterrupto de todos os compromissos do Pacto para o Desenvolvimento Sustentável do Grande Sul, mantendo os benefícios sustentáveis entregues à Nova Caledônia e especialmente à população Kanak do Grande Sul. "Todas as partes desta negociação investiram uma quantidade significativa de tempo e esforço para alcançar uma solução para o futuro sustentável da VNC", disse Mark Travers, Diretor Executivo de Metais Básicos da Vale. "A Vale e todos os envolvidos no processo de desinvestimento - incluindo a Província do Sul da Nova Caledônia, o Estado francês e os funcionários e a administração da VNC - podem se orgulhar do fato de que esses esforços produziram um resultado tão positivo”. 

A operação deve ser concluída no primeiro trimestre de 2021 e tem uma reserva de US$ 500 milhões, que será refletida nas demonstrações financeiras consolidadas da Vale. A transação está sujeita a consulta ao conselho de trabalhadores da VNC e outras condições, incluindo aprovações pelas autoridades caledonianas e do Estado francês.