13/07/2020
SAMARCO

Solução ajuda usinagem em campo

As equipes das gerências de Gestão de Ativos e de Manutenção da Samarco desenvolveram uma solução que facilita o trabalho em campo da usinagem do eixo de um ventilador de processo da usina de pelotização 4 do Complexo de Ubu (ES). Com custo de R$ 180 mil, a usinagem em campo gerou uma economia de R$ 2,1 milhões.

A solução consiste em um dispositivo que tem um sequenciamento de lixas com granulometrias diferentes, que ao girar em torno do eixo realizam o polimento da superfície. O nível de rugosidade alcançado foi de 0,35 Ra, resultado que surpreendeu, por ser um valor ainda melhor que o padrão de fábrica, de 0,63 Ra com tolerância de até 0,80 Ra. A criação da ferramenta passou pelas etapas de desenvolvimento do conceito, planejamento do projeto, aprovação, execução e testes, com duração de cinco meses e participação de cerca de 10 profissionais. “Era uma manobra complexa, com alto custo, longa duração e que envolvia uma equipe grande de profissionais de diversas disciplinas. Com o novo dispositivo, instalado no eixo do ventilador em campo, desmontamos somente dois itens, que pesam cerca de 300 quilos, com redução significativa do tempo de execução. Ganhamos muito em segurança, custo e produtividade”, diz o gerente de Manutenção do Complexo de Ubu, Gabriel Rossoni. 

O gerente comenta ainda que a usinagem em campo é pouco aplicada por sua alta complexidade, principalmente quando se trata de ventiladores de fornos, um trabalho mais criterioso porque o equipamento funciona sob uma película de óleo de centésimos de milímetros que separa o mancal – um item mecânico fixo – do eixo. Caso a rugosidade não seja satisfatória, pode ocorrer aumento de temperatura e de vibração, levando ao desplacamento e até mesmo avaria total do equipamento. “A ferramenta desenvolvida garantiu a manutenção bem-sucedida do ventilador de processo que é responsável pelo resfriamento do leito de pelota. Ou seja, um equipamento essencial para a retomada operacional da Samarco. Além da economia gerada, o dispositivo poderá ser utilizado para usinagem de outros ventiladores, representando um enorme ganho para a empresa também em longo prazo”, destaca o gerente de Manutenção.