31/03/2020
ERO COPPER

Sem interrupções e vírus nas operações

A Ero Copper informa que não sofreu nenhuma interrupção em suas operações, cadeias de suprimentos ou canais de vendas por causa da pandemia do COVID-19. Até o momento, não há casos conhecidos em nenhuma das operações da companhia, em comunidades vizinhas ou nos escritórios corporativos de São Paulo e Vancouver, no Canadá. 

Apesar da queda recente nos preços do cobre, a Ero permanece bem posicionada e financiada para continuar a executar suas operações com taxas de produção planejadas e custos abaixo do orçamento durante o primeiro trimestre de 2020. Em dezembro de 2019, a companhia tinha US$ 22,9 milhões em dinheiro e cerca de US$ 30 milhões em linhas de crédito. Atualmente, a companhia mantém o guidance de produção, capital e custos operacionais para 2020, mas a situação relacionada ao COVID-19 faz com que a empresa forneça atualizações adicionais, caso necessário. 

Além disso, a Ero alterou as linhas de crédito existentes no valor de US$ 150 milhões, onde os benefícios incluem redução do custo total da companhia ao tomar empréstimos e adiamento de pagamentos agendados para os próximos dois anos, a partir de março de 2022. O presidente e CEO, David Strang, declarou que a empresa, ao operar mesmo em tempos complicados e apesar da queda do preços do cobre, tem vários planos de contingência em vigor para gerenciar seus negócios nos mais variados cenários econômicos. “Tomamos medidas para mitigar os efeitos do COVID-19 em nossa força de trabalho, na companhia e em nossas operações. Algumas medidas foram implementadas desde o final de fevereiro e incluem: eliminação de todas as viagens não essenciais de e para nossas operações de mineração; envolvimento semanal com todos os fornecedores e armazenamento ativo de consumíveis essenciais para proteger contra eventuais interrupções na cadeia de suprimentos; redução da interação humana em toda a organização, tanto quanto possível, fechando os escritórios administrativos e mudando para um formato de trabalho em casa, aumentando o distanciamento social, limitando o número de funcionários que viajam em ônibus fornecidos nas comunidades de mineração e nas minas, limitando o número de funcionários da lanchonete a qualquer momento, cancelamento de todas as reuniões do grupo e incentivando o trabalho em casa e as videoconferências/telefones, sempre que possível.

Além disso, a companhia estabeleceu comitês COVID-19 com liderança sênior e administradores locais de saúde para as regiões em que a atua, encomendou 3.000 kits de teste COVID-19 para as operações e doará parte desses kits de teste, bem como outros equipamentos de proteção individual, aos municípios locais para facilitar testes rápidos nas comunidades, se necessário; e implementou educação sobre o bem-estar, exames de saúde e protocolos de auto-isolamento, além de uma melhor higienização em todas as operações. 

A prioridade da Ero Copper está na saúde e bem-estar dos funcionários neste momento, famílias que moram em Pilar e Nova Xavantina, contratados e comunidades locais. “Essa é uma situação dinâmica e continuamos a monitorar e adaptar nossas medidas de mitigação à medida que a situação se desenvolve. “A alteração bem-sucedida de nossas linhas de crédito existentes conclui um processo iniciado em 2019 como parte de nossa estratégia corporativa em andamento”. A extensão das datas de vencimento e a redução dos custos de empréstimos da Companhia refletem a força subjacente de nossos negócios e oferecem maior flexibilidade para continuar investindo no crescimento de nossas operações, maximizando o retorno a curto prazo do capital investido para nossos acionistas e partes interessadas”.