30/10/2019
FOSFATO

Sai LP para projeto da Águia no RS

A Fundação Estadual de proteção Ambiental (Fepam) emitiu Licença Prévia (LP) para o projeto Fosfato Três Estradas, da Águia Fertilizantes, em Lavras do Sul (RS). A LP reconhece a viabilidade do empreendimento para extração, beneficiamento e comercialização do minério de fosfato para elaboração de produtos e matéria-prima voltados à agricultura e indústrias de fertilizantes. “A obtenção da LP representa um marco importantíssimo para o Projeto Fosfato Três Estradas, pois reconhece um trabalho técnico muito cuidadoso na avaliação ambiental e socioeconômica, com total transparência em relação à nossa comunidade de Lavras do Sul e municípios vizinhos” comenta o gerente de geologia do Projeto, José Fanton.

A Águia Fertilizantes montou uma equipe de profissionais para elaboração dos Estudos de Impacto Ambiental (EIA) e Relatório de Impacto do Meio Ambiente (RIMA). 

A próxima etapa é a obtenção da Licença de Instalação (LI), fase na qual o objetivo é garantir a implantação da obra, respeitando todos os requisitos condicionantes à viabilidade ambiental do empreendimento e que estão definidos na Licença Prévia emitida. “É importante citar as parcerias com a Prefeitura de Lavras, com a Câmara de Indústria e Comércio (CICS), com os Sindicatos, Legislativo Municipal e principalmente com a população de um modo geral, que de forma maciça se fez presente na Audiência Pública para dizer sim ao Projeto Fosfato Três Estradas”, observa José Fanton. O fosfato de Lavras do Sul suprirá parte da demanda do Estado do Rio Grande do Sul.

Veja também

13/11/2019
WOLLASTONITA | Em Goiás, a primeira mina sulamericana
17/10/2019
PROJETO SERROTE | Mineração Vale Verde tem LI prorrogada
14/10/2019
PROJETO ARAGUAIA | Pedro dos Reis vai comandar construção
26/09/2019
FERTILIZANTES | Itafos lança produtos premium
17/09/2019
FERTILIZANTES | Itafos obtém empréstimo de US$ 15 mi
17/09/2019
MINÉRIO DE FERRO | Projeto da Bamin começa a sair do papel
16/08/2019
FERTILIZANTES | Petrobras esclarece sobre venda de unidade