27/05/2020
FERBASA

Receita líquida cresce 20% no trimestre

A Ferbasa produziu cerca de 72,2 mil toneladas de ferroligas no primeiro trimestre de 2020, um acréscimo de 35,2% sobre o último trimestre de 2019, com destaque para as Ligas de cromo, que avançaram 69,2%, enquanto as Ligas de silício recuaram 2,5% no mesmo período. Em relação ao primeiro trimestre de 2019 houve um aumento de 12,0% na produção de ligas. O volume de vendas totalizou 66,2 mil toneladas de ferroligas no trimestre, com os mercados interno e externo crescendo mais de 30% frente ao último trimestre de 2019. Na comparação com o mesmo período de 2019, houve uma variação positiva de 9,9%, influenciada pelo aumento de 67,9% nas vendas para o mercado externo, em decorrência do baixo desempenho do mercado interno. Além disso, considerando o consumo de ferrocromo alto carbono na produção de ferrossilício cromo, e de ferrossilício cromo na produção de ferrocromo baixo carbono, a companhia manteve estável no trimestre o saldo em estoque de produtos acabados frente ao saldo de 31/12/2019. 

A receita líquida da Ferbasa atingiu R$ 346,2 milhões até março, um incremento de 20,8% diante do quarto trimestre de 2019 e um leve recuo de 0,7% quando comparado com o trimestre inicial de 2019. A geração operacional de caixa somou R$ 68,6 milhões nos três primeiros meses do ano, equivalentes a 19,8% de margem EBITDA, sendo R$ 2,2 milhões correspondentes ao parque eólico BWG. 

O Ebitda apresentou R$ 68,6 milhões, um aumento de 97,7% em comparação ao último trimestre de 2019 e uma redução de 23,1% frente aos três primeiros meses de 2019, quando atingiu o montante de R$ 89,2 milhões e margem de 25,6%, dos quais, R$ 9,9 milhões referentes à BWG. O prejuízo somou R$ 600 mil nos três meses iniciais de 2020 ante o prejuízo de R$ 1 milhão do trimestre passado. 

O CAPEX relativo aos investimentos alcançou R$ 12,2 milhões até março, uma queda de 36,5% em relação ao mesmo período de 2019, ocasionado pela desaceleração dos investimentos dada à expectativa mais desafiadora para o ano de 2020.

Pandemia

Em relação à pandemia, a Ferbasa mantém o funcionamento de suas unidades operacionais dentro da normalidade, não registrando interrupções em suas cadeias de suprimento e de vendas dos produtos e de produção, além de não ter alterações quantitativas relevantes no seu quadro de pessoal. A companhia trabalha para aumentar progressivamente a segurança e a proteção dos colaboradores, respeitando as medidas de controle determinadas pelas autoridades para o enfrentamento da COVID-19. 

Apoiada em seu Comitê de Crise e sob o comando de seus profissionais da área médica, a Ferbasa colocou em prática um conjunto de providências  associadas a um rigoroso protocolo de higiene e saúde, como o afastamento presencial dos colaboradores enquadrados nos grupos de risco; a adoção do sistema de teletrabalho para a maior parte das atividades administrativas e a totalidade dos serviços corporativos centralizados em Salvador (BA); instituição de protocolo de entrada em quarentena para os colaboradores com sintomas de gripe/virose e/ou que tenham declarado contato com pacientes ativos da covid-19; ampliação e intensificação das ações de higienização, em conformidade com as recomendações dos órgãos competentes, abrangentes ao público interno, comunidades próximas e transportadores; instalação de barreiras sanitárias com aferição diária de temperatura corporal dos colaboradores e dos demais públicos, antes do acesso às dependências da companhia, onde também foi tornado obrigatório o uso de máscaras de proteção em todos os ambientes; suspensão de viagens em geral; limitação da realização de reuniões presenciais, tanto internas como externas; antecipação da campanha de vacinação da gripe 2020, que contemplou todos os colaboradores; realização de diversas campanhas educativas e aquisição de lote com 500 testes rápidos para confirmar ou afastar eventuais suspeitas de contágio da COVID-19 nos colaboradores. 

A Ferbasa segue ajudando comunidades de cerca de 20 municípios do entorno das operações, com investimentos de R$ 1 milhão em prevenção de risco; aquisição de produtos manufaturados junto aos projetos sociais incentivados pela companhia, como máscaras e alimentos de horticultura, como forma, também, de reduzir os impactos na geração de renda das comunidades; tratamento de mazelas mediante as ações de responsabilidade social, que englobaram a doação de mais de 35 mil itens de higiene e limpeza, 7 mil cestas básicas (140 toneladas de alimentos) e equipamentos hospitalares no valor de R$ 300 mil, além de 10 atomizadores e 30 pulverizadores para sanitização de áreas públicas dos municípios assistidos. A Companhia doou também 02 aparelhos de ventilação pulmonar e respiração assistida ao Governo do Estado da Bahia, por meio de convênio firmado com a Federação das Indústrias do Estado da Bahia – FIEB, além da participação na doação de 01 aparelho de ventilação (ação coordenada pelo Sindicato das Indústrias Extrativas de Minerais Metálicos, Metais Nobres e Preciosos, Pedras Preciosas e Semipreciosas e Magnesita no Estado da Bahia – SINDIMIBA).

Veja também

20/11/2019
FERROLIGAS | Produção da Ferbasa cai 8,9%
21/08/2019
FERROLIGAS | Ferbasa tem queda de 4% nas vendas
23/05/2019
FERBASA | Receita líquida cresce 14%
10/04/2019
FERROLIGAS | Vendas da Ferbasa crescem 6,8%
31/01/2019
FERROLIGAS | Ferbasa garante barragens
20/06/2018
FERROLIGAS | Greve afeta desempenho da Ferbasa