30/10/2019
GERDAU

Receita atinge R$ 9,9 bi no trimestre

A Gerdau obteve lucro líquido de R$ 408 milhões no 3º trimestre de 2019 e viu a relação entre dívida líquida x Ebitda cair de 2,23x para 1,96x na comparação com o mesmo trimestre de 2018. Já o fluxo de caixa livre alcançou R$ 1,9 bilhão no trimestre, contra R$ 405 milhões em igual período do ano passado. "A normalização dos estoques na unidade de Ouro Branco com a conclusão da reforma contribuiu para este resultado do fluxo, o segundo melhor trimestre da série histórica", diz o CFO, Harley Scardoelli. 

O Ebitda da companhia somou R$ 1,5 bilhão entre julho e setembro deste ano, com margem de 14,7%. O resultado exclui efeitos não recorrentes, principalmente atrelados aos impactos da parada programada do Alto-forno 1 da usina de Ouro Branco (MG). A margem Ebitda da Operação de Negócio América do Norte manteve-se estável em 10,5% no trimestre em comparação com o mesmo período do exercício anterior. A receita líquida da Gerdau somou R$ 9,9 bilhões no trimestre, 23% a menos sobre o mesmo período do ano anterior em função da queda de 17% dos volumes vendidos, em decorrência, principalmente, da venda de ativos e do enfraquecimento dos preços no mercado internacional. "No 3º trimestre, reduzimos o ritmo de exportações em função da deterioração dos preços no mercado global de aço, porém começamos a ver sinais de recuperação no segmento de construção civil no Brasil. No País, ainda, seguimos crescendo nossa participação no mercado de chapas grossas. Com a conclusão do plano de desinvestimentos, a finalização da reforma do Alto-forno 1 de Ouro Branco e aceleração da nossa transformação digital, a Gerdau está preparada para atender à demanda de aço no Brasil à medida que o mercado for reaquecendo", afirma o diretor-presidente (CEO), Gustavo Werneck.

A Gerdau investiu R$ 532 milhões no trimestre, dos quais R$ 201 milhões em manutenção geral, R$ 169 milhões em manutenção na Usina de Ouro Branco (MG) e R$ 162 milhões em expansão e atualização tecnológica. Até setembro de 2019, a companhia investiu R$ 1,3 bilhão para as operações da Gerdau globalmente, principalmente dedicados à manutenção das unidades. As empresas de capital aberto no Brasil – Gerdau S.A. e Metalúrgica Gerdau S.A – pagarão dividendos trimestrais, respectivamente, nos dias 25 e 26 de novembro de 2019. Serão R$ 68 milhões para os acionistas da Gerdau S.A. (R$ 0,04 por ação) e R$ 22 milhões para os acionistas da Metalúrgica Gerdau S.A. (R$ 0,02 por ação).