02/03/2021
HORIZONTE MINERALS

Pacote de licenças para projeto Araguaia

A Horizonte Minerals recebeu o pacote de licença de construção para o desenvolvimento da linha de energia para seu Projeto de Ferroníquel Araguaia. O pacote aprovado inclui a licença preliminar (Licença Prévia), a licença de construção (Licença de Instalação) e as licenças relacionadas à fauna e flora. As licenças foram concedidos pela Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Estado do Pará (SEMAS).

O pacote permite a implementação de uma linha de transmissão de 120km, 230KV, e respectiva subestação. A linha de energia conectará o Araguaia à rede elétrica nacional e cobrirá todas as necessidades de energia para o projeto na capacidade nominal. “O Araguaia já está totalmente autorizado a iniciar a construção. A concessão do pacote de licença de energia é uma etapa crítica em nosso caminho para a produção e diminui ainda mais os riscos do Projeto, garantindo o requisito de energia total para operação comercial. O fornecimento de energia será hidrelétrico, fator chave na capacidade de produzir baixo CO2 por tonelada de produto, em linha com outros produtores brasileiros de ferroníquel, colocando o Araguaia na metade mais baixa dos emissores de carbono globalmente para a produção de níquel. Esperamos atualizar o progresso do mercado no Araguaia nos próximos meses”, disse o CEO da Horizonte Minerals, Jeremy Martin. 

Novo Head de Projetos 

A Horizonte Minerals anunciou também Michael Drake como novo Head de projetos da companhia. O executivo terá como principal função supervisionar o desenvolvimento dos dois projetos de propriedade da Horizonte, o Projeto Araguaia de ferroníquel e o Projeto Vermelho de níquel-cobalto. Atualmente os trabalhos estão focados no início da construção do Araguaia, sujeito à conclusão do financiamento de projeto, enquanto Vermelho está progredindo para estudo de viabilidade e licenciamento. Michael ficará baseado no escritório da Empresa em Belo Horizonte (MG), onde trabalhará em estreita colaboração com a equipe da Horizonte no País.

Michael é Engenheiro Mecânico com ampla experiência internacional de liderança na construção, operação e otimização de médios e grandes projetos de capital, com ampla experiência tanto em operações de ferroníquel como de lixiviação ácida de níquel. O executivo já trabalhou na BHP, na Newcrest Mining e na WMC Resources. Na BHP, Michael liderou a reforma da linha de produção de ferroníquel de Cerro Matoso, na Colômbia, no valor de US$ 350 milhões, com uma reconstrução completa do forno. Como Vice-Presidente de Projetos e Engenharia na Nickel West, ele foi responsável pela implementação de um programa de investimento de capital de US$ 5 bilhões, e liderou a fase de ramp-up da operação de níquel Ravensthorpe, na Austrália. Michael é formado pela Curtin University e tem MBA pela University of Western Australia. O CEO da companhia, Jeremy Martin, disse que Michael tem ampla experiência em desenvolvimento, operação e otimização de operações de níquel e sua experiência tanto na tecnologia RKEF como HPAL é bem apropriada para o desenvolvimento dos dois projetos da Horizonte.

Veja também

12/04/2021
FERROVIAS | Leilão da Fiol viabiliza Bamin
12/04/2021
SAMARCO | Pedido de Recuperação Judicial
12/04/2021
ATLANTIC NICKEL | Metas atingidas para o trimestre
08/04/2021
MINÉRIO DE FERRO | Exportações somam 40 milhões de t
30/03/2021
MINÉRIO DE FERRO | Tocantins pode receber projeto
25/03/2021
MINERAIS ESTRATÉGICOS | Governo apoiará licenciamento ambiental
18/03/2021
LARGO RESOURCES | US$ 25 milhões em nova planta de ilmenita
16/03/2021
LARGO RESOURCES | Primeira venda de minério de ferro