05/11/2020
YAMANA GOLD

Lucro atinge US$ 55 milhões no trimestre

A Yamana Gold registrou lucro líquido ajustado de US$ 92,9 milhões no terceiro trimestre de 2020, ante os US$ 49,5 milhões do mesmo trimestre do último ano. Já o lucro líquido atingiu US$ 55,6 milhões em comparação com o lucro líquido de US$ 201,3 milhões de um ano antes. O fluxo de caixa de atividades operacionais da companhia alcançou US$ 215 milhões antes da variação líquida no capital de giro de US$ 199 milhões, o que reflete o impacto da forte produção, preços de metais preciosos e o impacto positivo do câmbio estrangeiro nos custos da empresa. Os fluxos de caixa das atividades operacionais estão em máximas plurianuais, o que inclui períodos com consideravelmente mais produção de minas que foram alienadas ou descontinuadas.

A dívida líquida diminuiu em US$ 148,9 milhões, para US$ 619,1 milhões, o que avança o objetivo da empresa de alcançar uma posição de caixa líquido positivo que agora está bem à frente do cronograma. A Yamana encerrou o trimestre com índice de alavancagem inferior a 0,8x, adiantado em relação aos objetivos previamente definidos pela Companhia. 

A Yamana reviu sua orientação de produção para 915.000 onças equivalentes de ouro em 2020, da orientação anterior de 890.000, representando um aumento de 3%. A produção de ouro e a orientação de produção de prata cresceram em relação à orientação anterior em aproximadamente 1% e 6%, respectivamente. A companhia aumentou seu dividendo anual em mais 50%, para US$ 0,105 por ação, para os acionistas registrados no fechamento dos negócios em 31 de dezembro de 2020. Na nova taxa, o dividendo será 425% maior do que a taxa de apenas 18 meses atrás. Em 13 de outubro, a Companhia concluiu sua listagem e começou a negociar no Mercado Principal da Bolsa de Valores de Londres, adicionando outra bolsa sênior para negociação de ações da Companhia e expandindo ainda mais seu perfil de mercado público. Em 23 de outubro, os US$ 100 milhões pendentes na linha de crédito de US$ 750 milhões foram reembolsados. Isso segue o reembolso dos US$ 100 milhões iniciais em junho dos US$ 200 milhões sacados durante o primeiro trimestre de 2020 como uma precaução devido à incerteza em torno do COVID-19.

A produção de ouro ficou em 201.772 onças e foi sustentada pela produção em destaque de Jacobina, Canadian Malartic, El Peñón e Minera Florida. A produção de prata somou 3.040.341 onças e foi sustentada por um desempenho excepcionalmente forte de El Peñón, que excedeu em muito o plano com o sequenciamento da mina favorecendo a mineração de zonas de alto teor de prata. A Yamana Gold acredita que o ultimo trimestre de 2020 seja o mais forte na produção da companhia.