13/07/2015
CIMENTO

Lafarge e Holcim completam processo de fusão

A Holcim e a Lafarge completaram seu processo de fusão, dando origem à empresa LarfargeHolcim, líder mundial na produção de materiais para a indústria de construção. Todas as condicionantes para a fusão fora atendidas, incluindo a bem sucedida troca pública de ações e a emissão de novas ações da Holcim para os acionistas da Lafarge.

Os acionistas da Holcim haviam aprovado previamente haviam aprovado previamente a fusão em uma assembleia geral extraordinária, realizada em maio de 2015. Com a concretização da fusão, o mandato do novo conselho diretor e novo comitê executivo, que tem como CEO Eric Olsen, tornam-se efetivos.

A LafargeHolcim lançou também uma nova logomarca, a qual procura expressar que a Lafarge e a Holcim são agora uma única empresa, expressando a liderança e fortaleza da nova companhia. Wolfgang Reitzle, co-chairman do conselho diretor da nova empresa, afirmou que “hoje se encerra um evento histórico, não apenas para as duas companhias que se unem mas também para a indústria como um todo. A LafargeHolcim tem um portfólio de negócios único, é benchmark na indústria em P&D e oferece aos seus clientes a mais ampla linha de produtos, serviços e soluções inovativos, desde as pequenas empresas até os grandes conglomerados e projetos mais complexos”.

Bruno Lafont, que também é co-chairman do conselho diretor, disse que a nova empresa é construída com base na história que têm os times da Lafarge e da Holcim e que "a fusão não apenas cria a maior companhia do setor como também oferece uma condição única de complementaridade, que deve ser capitalizada”

As ações da nova empresa serão comercializadas tanto na bolsa suíça (SIX) quanto na parisiense (Euronext) a partir de 14 de julho. Como anunciado, a LarfargeHolcim reabrirá a troca pública de ações a partir de 15 de julho, para dar oportunidade àqueles acionistas remanescentes da Lafarge de ofertas seus títulos. O novo período vai até 28 de julho.

Com presença em 90 países e foco na produção de cimento, agregados e concreto, a LafargeHolcim tem 115 mil empregados e um faturamento da ordem de 27 bilhões de euros (receita de 2014). Com o processo de fusão, operações na Europa, EUA, Brasil, India, Filipinas e Mauritânia estão sendo vendidas.

Veja também