14/05/2020
INVESTIMENTOS

Jupiter Gold avança no projeto Alpha

Uma equipe técnica da Jupiter Gold Corporation trabalha ao lado da consultoria mineral GE21 e avançou substancialmente no que se refere a geologia estrutural de seu projeto de ouro Alpha. Foram coletadas 225 amostras para análise geoquímica e de processamento de ouro. Os geólogos da companhia desceram em 13 eixos (até 70 pés de profundidade) para coleta direta de amostras e análise da morfologia geológica in situ, agregando mais dados do que os estudos de perfuração habituais. 

“Avançamos muito neste ano em relação ao projeto Alpha”, comenta Areli Nogueira, Geólogo Sênior da companhia. O projeto Alpha está localizado em uma formação geológica conhecida como Supergrupo Rio das Velhas, onde já existem algumas das maiores minas de ouro do Brasil. Atualmente, com o ouro a aproximadamente US$ 1.700/onça, o projeto tem maior potencial de mineralização, o que inclui expansão vertical com perfuração no local inicial, para caracterizar os depósitos primários de ouro nas rochas, abaixo dos depósitos conhecidos nas camadas saprolita e coluvial.