05/03/2020
INVESTIMENTOS

Ibram firma acordo com bolsas canadenses

Com o objetivo de atrair mais investimentos para o setor mineral brasileiro nos próximos anos, o Ibram e a bolsa de valores de Toronto (TSX e TSXV) assinaram um memorando de entendimentos estabelecendo um esquema de colaboração entre as duas entidades.  A expectativa, segundo o presidente do Conselho Diretor do Ibram, Wilson Brumer, é que a iniciativa abra novas perspectivas para a expansão da pesquisa geológica, trabalhos de exploração e desenvolvimento de projetos de mineração no Brasil. 

A expectativa, com a assinatura do documento, é que haja um aumento no número de empresas de mineração brasileiras listadas na bolsa de Toronto. O Ibram trabalhará no sentido de implementar ações previstas no MOU, como a identificação de projetos que sejam considerados atraentes para investimento no Brasil. Também serão realizados eventos visando atrair o interesse de investidores canadenses por projetos de mineração no Paísl. 

Robert Peterman, vice-presidente de Desenvolvimento de Negócios Globais  da TSX e TSXV afirmou, após a assinatura do memorando, que há mais de 35 empresas nas duas bolsas com mais de 100 propriedades mineiras no Brasil e que a TSX e a TSXV continuarão como parceiras importantes e fontes de capital para as empresas de mineração brasileiras. 

Inicialmente o acordo terá vigência de dois anos, podendo ser prorrogado ou encerrado a critério das duas entidades.

Veja também

07/05/2020
INVESTIMENTOS EM MINERAÇÃO | O direito minerário como garantia para financiamentos
22/04/2020
EXPOSIBRAM AMAZÔNIA | Ibram adia evento para novembro
17/04/2020
PRODUÇÃO MINERAL | Ibram aponta queda no primeiro trimestre
09/04/2020
INVESTIMENTOS | Ore tem US$ 50 mi para pequenos projetos
18/03/2020
BAIXO CARBONO | Ibram integra comitê técnico federal
26/02/2020
INVESTIMENTOS | Canadá fora do Top 10 mineração