20/05/2020
LOGÍSTICA

Gerdau investe em unidade da G2L

Braço de operação logística da Gerdau, a G2L terá investimento de R$ 600 mil para instalação de uma nova unidade em Mogi das Cruzes (SP), com início das atividades previstas para julho deste ano. A fábrica terá sete mil metros quadrados dentro da sede da produtora de aço no município e gerará até 60 empregos diretos.

A unidade contará com um Centro de Logística que realizará inicialmente o gerenciamento da distribuição de aço produzido pela Gerdau para toda a região metropolitana da cidade de São Paulo. Em uma etapa posterior, a unidade da G2L trabalhará com cargas de outros clientes atendendo a todos os estados do Brasil. O transporte de chegada e partida de cargas será estruturado via sistema rodoviário e ferroviário e contará com o ramal ferroviário próprio existente na unidade da Gerdau em Mogi das Cruzes, que está ligado à linha férrea que corta a cidade, no distrito de Cezar de Souza.

“A G2L é uma operadora logística, que atua por meio de uma plataforma digital, na qual é possível contratar fretes mais competitivos tanto para a própria empresa quanto para clientes e parceiros. A iniciativa está em linha com a estratégia da Gerdau de buscar soluções inovadoras para a cadeia do aço e desenvolver novos negócios”, diz Elder Rapachi, diretor de logística, planejamento estratégico e inovação. O município de Mogi torna-se estratégico para o negócio por sua ligação direta com algumas das principais rodovias brasileiras, facilitando o acesso a locais importantes como o Porto de Santos e Aeroporto Internacional de Guarulhos.  

A G2L surgiu em 2018 de um projeto-piloto de intraempreendedorismo de um grupo de colaboradores da Gerdau que buscavam diferenciais competitivos para o transporte rodoviário. Hoje, a empresa tem sede em Barueri (SP) e possui colaboradores próprios. A G2L é uma operadora logística, que atua por meio de uma plataforma digital, na qual é possível contratar fretes mais competitivos tanto para a própria empresa quanto para clientes e parceiros. Em 2019, a G2L apresentou faturamento de R$ 151 milhões e movimentou 924 mil toneladas de cargas, incluindo produtos da Gerdau e de terceiros.