18/12/2019
SMART MINING

Equipamentos autônomos avançam no País

A Vale está apostando fortemente na transformação digital e em operações autônomas para melhorar seu desempenho operacional e aumentar os níveis de segurança em suas unidades de produção. E já registra avanços significativos, principalmente no que se refere a operações autônomas. A mina de Brucutu, localizada em São Gonçalo do Rio Abaixo, em Minas Gerais, já está operando com uma frota de caminhões totalmente autônoma e na mina de Carajás já foram iniciados os testes com caminhões autônomos. Nas duas operações -- e em Itabira -- também já existem unidades de perfuratrizes que são operadas remotamente.
 
Este é o tema de capa da edição 396 da Brasil Mineral, que mostra como as soluções digitais e uso da Inteligência Artificial estão contribuindo para reduzir riscos e aumentar a eficiência nas operações de mineração. 
 
Destaque também para o Forum Brasil Mineral, onde as Personalidades do Ano e líderes de entidades avaliam os riscos da atividade de mineração, que está sendo desafiada pela sociedade. Para dar respostas que o momento exige, o setor precisa se unir e falar a mesma linguagem, eles defendem. 
 
E ainda os detalhes primeira operação no Brasil para obtenção do sulfato de potássio e outros produtos a partir da Glauconita, um mineral até então não lavrado no Brasil. Confira em: https://www.brasilmineral.com.br/revista/396/
 

Veja também