06/04/2020
COVID-19

Entidades do setor se reúnem com ministro

O Ministério de Minas e Energia (MME) informa que tem trabalhado para coordenar e acompanhar as medidas adotadas para as contínuas atividades dos setores de energia e mineração em razão da pandemia do COVID-19. Nessa linha, o ministro Bento Albuquerque realiza reuniões com esses setores, como a última realizada neste domingo (5) com as associações de geologia e mineração. 

Mais de 50 participantes representando 32 associações conheceram as ações que vêm sendo adotadas pelo MME. Entre as medidas, destaca-se a criação de Comitês Setoriais com o objetivo de centralizar na própria Pasta os pleitos e as atuações de enfrentamento ao coronavírus de forma sistematizada. 

O ministro Bento Albuquerque disse que o encontro, apesar de ter um tema excepcional, faz parte do contínuo diálogo e da transparência com o setor produtivo, pontos basilares de sua gestão no MME, e complementou: “a mineração é um setor vital para o Brasil, que é um País privilegiado pela quantidade de minerais que fazem parte do nosso patrimônio. Não sabemos quando esse período vai acabar, mas tenho certeza que a mineração é essencial”.

A secretária-executiva do MME, Marisete Pereira, disse que todos os assuntos apresentados pelas associações serão levados semanalmente para o Ministro, com acompanhamento diário da Secretaria de Geologia e Mineração do MME: “Precisamos ter serenidade e resiliência de modo que dentro desse contexto possamos buscar a solução que os setores tanto precisam nesse momento. Todos precisam contribuir, pois é uma crise que tem uma questão de saúde com reflexos diretos na economia. Precisamos juntos trabalhar para construirmos uma solução sob ponto de vista do menor impacto econômico e social possível. A participação de todos é fundamental para encontrar uma solução que garanta a sustentabilidade dessas empresas, com foco na saúde de todos envolvidos”.

O secretário de Geologia e Mineração e Transformação Mineral, Alexandre Vidigal, se colocou à disposição para ouvir e acompanhar todos os pleitos das associações. O ministro Bento finalizou agradecendo a participação e o esforço de todos em preservar a vida e também os empregos, mesmo com a limitação das atividades econômicas. “Estamos trabalhando ao máximo para darmos uma resposta à sociedade”.