13/01/2021
TECNOLOGIA

Brasil e Japão assinam memorando para nióbio e grafeno

Brasil e Japão assinaram Memorando de Cooperação no campo de tecnologias relacionadas à produção e ao uso de nióbio e grafeno. A parceria permitirá o intercâmbio de informações para experimentos e protótipos e exploração de aplicações de nióbio ou grafeno que possam agregar valor aos produtos e cadeia de produção.

Além disso, o acordo prevê a troca de experiências e parcerias com o envolvimento do setor privado em pesquisa e desenvolvimento, onde poderão ser abordadas tecnologias, experiências, boas práticas e programas de proteção ambiental de sustentabilidade aplicáveis à exploração, mineração, tecnologias de reciclagem relacionadas ao nióbio ou grafeno e tecnologias de recuperação de substâncias metálicas advindas de resíduos de equipamentos elétricos e eletrônicos.

O documento foi assinado pelo Ministro de Relações Exteriores, Ernesto Araújo, e o Ministro dos Negócios Estrangeiros do Japão, Toshmitsu Motegi. O Ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, foi representado pelo Secretário de Geologia, Mineração e Transformação Mineral, Alexandre Vidigal de Oliveira. A assinatura evidencia o caráter estratégico das relações dos dois países e a firme disposição de ambos os governos de possibilitar, no futuro, potenciais projetos conjuntos em inovações tecnológicas relacionadas ao nióbio e grafeno.