04/12/2019
SEGURANÇA DE BARRAGENS

Brasil conhece expertise holandesa

Entre 25 e 29 de novembro aconteceu a segunda parte da série de encontros entre profissionais de segurança de barragens da Agência Nacional de Mineração (ANM) e a Equipe Holandesa de Redução de Riscos. Nos dias 25 e 26 os encontros foram realizados em Belo Horizonte (MG), enquanto Brasília (DF) recebeu a reunião nos dias 28 e 29 de novembro. O evento discutiu os principais pontos que abrangem a segurança das estruturas de mineração. Ao todo, 22 fiscais de todo o Brasil participaram do encontro.
 
O workshop discutiu o relatório elaborado durante a última visita holandesa de cinco dias (13/10 a 18/10) às barragens no estado de Minas Gerais. O resultado da inspeção culminou em 15 principais pontos, como melhores práticas em operações e descomissionamento, a abordagem holandesa à gestão de risco e projetos de barragem e estudos de casos de estabilidade de barragens e de proteção contra inundações. “Estamos pegando a capacitação com os melhores em barragens do mundo. A Holanda sobrevive da barragem, sem ela eles não conseguem existir. Então, o melhor tipo de controle e o melhor tipo de projeto vêm da Holanda. Temos um alinhamento de nossas ações com eles, que são um dos melhores do mundo”, disse o diretor da ANM, Eduardo Leão.
 
O projeto começou em julho de 2019, quando ANM e a embaixada dos Países Baixos firmaram uma ida da Equipe Holandesa de Redução de Riscos a Minas Gerais para compartilhar os conhecimentos holandeses com diques e barragens. Atualmente, os Países Baixos possuem um sistema de diques e defesas contra inundações a oito milhões de habitantes, mesmo vivendo em áreas altamente propensas a enchentes, por conta do território ser abaixo do nível do mar.

Veja também

23/01/2020
BARRAGENS | Seminário debate monitoramento
23/01/2020
BARRAGENS | ANM faz balanço pós Brumadinho
09/01/2020
ANGLO AMERICAN | Sirene assusta comunidades
09/01/2020
MINA DO FEIJÃO | Vale utiliza cava para rejeitos
13/12/2019
BARRAGEM DO FEIJÃO I | Especialistas apontam causas do rompimento
11/12/2019
BARRAGENS | Goiás aprova programa de segurança