09/05/2019
CEARÁ

Plano Diretor de Mineração

No último dia 30 de abril houve o lançamento do Plano Diretor de Mineração da Região Metropolitana de Fortaleza nas dependências da Federação das Indústrias do Ceará (FIEC), com a participação de três diretores da ANM, Tasso Mendonça, Tomás Figueiredo Filho e Debora Puccini e do Gerente Regional /CE, Ricardo Senna.
 
O Projeto de Atualização do Plano Diretor de Mineração foi desenvolvido em duas etapas. A primeira, técnica, desenvolvida através de um projeto de execução direta da Gerência Regional da ANM/Ceará, concluída no final de 2017, por uma equipe formada pela Geóloga Vanessa Maria Mamede Cavalcanti (Coordenadora) e pelos Especialistas em Recursos Minerais Marcos Aurélio Marcelino Moreira e Cristiano Alves da Silva. Já a segunda etapa foi um seminário em junho de 2018 com o objetivo de promover a discussão e aprovação de diretrizes e proposições, com a participação de representantes das prefeituras municipais, de órgãos federais e estaduais e do setor produtivo mineral.
 
“Não podemos mudar uma jazida mineral de lugar, diferente de uma indústria, que pode ser realocada quando há qualquer problema. Além disso, se a jazida estiver muito longe dos centros urbanos, a necessidade de frete acaba encarecendo o valor final dos insumos. É por isso que, no ordenamento territorial municipal, deve ser concedida prioridade à mineração em áreas com recursos importantes, tais como areia, argila, cascalho ou rocha para britas, que são fundamentais para a sociedade”, reforçou Vanessa Mamede. “A mineração precisa de espaço para produzir insumos, sem atrapalhar o crescimento de uma cidade e a questão ambiental, mas garantindo sua oferta”, concluiu Tasso Mendonça Júnior, diretor da ANM.

Veja também