25/10/2018
ZINCO

Nexa aprova construção de Aripuanã

Após conclusão do estudo de viabilidade e análise detalhada por parte da administração da empresa, o Conselho de Administração da Nexa Resources informa aos acionistas e mercado em geral a aprovação do início da construção de projeto Aripuanã, no Mato Grosso. O projeto inclui uma mina de polimetálicos subterrânea e uma fábrica para processamento de concentrados de zinco.

O projeto Aripuanã tem produção média equivalente de zinco estimada em 120 mil toneladas anuais por 13 anos, considerando apenas as reservas minerais de acordo com as Normas de Definição CIM (2014). O projeto deverá entrar em operação no início de 2021 e tem investimento calculado em cerca de US$ 392 milhões.

A Nexa detém 70% de participação no projeto Aripuanã através de suas subsidiárias. A empresa apresentou ainda Relatório Técnico para o projeto intitulado “Relatório Técnico sobre o Estudo de Viabilidade do Projeto Aripuanã, Estado do mato Grosso”. O estudo foi preparado pelo Roscoe Postle Associates Inc. (RPA). “A aprovação da construção do projeto reforça o compromisso da Nexa em desenvolver nosso pipeline de projetos greenfield. Estamos orgulhosos em desenvolver um projeto de nível mundial, com altos padrões de segurança, práticas ambientais de ponta – o que inclui o empilhamento a seco para resíduos e quase 100% de recirculação da água, além dos altos níveis de automação e outras iniciativas”, disse Tito Martins, CEO da Nexa Resources.