11/04/2017
ANTONIO DIAS LEITE

Morre o criador da CPRM e do CETEM

Antonio Dias Leite faleceu na última quinta-feira, 6 de abril, após uma queda que lhe gerou complicações. Formado em Engenharia e professor emérito de Economia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Dias Leite deixa grande legado na história do país.

Entre 1969 e 1974, durante o período do Regime Militar, Dias Leite atuou como Ministro de Minas e Energia e foi o responsável pela criação da CPRM, uma costela do atual DNPM e determinou a criação do Cetem (1978), CENPES e CEPEL. No MME, coordenou também o levantamento da Amazônia (Projeto Radam) e da Plataforma Continental (Projeto Remac). Dias Leite também é ex-presidente da Vale.

Com 97 anos, Dias Leite foi casado com Manira por 69 anos, deixa cinco filhos, 12 netos e 17 bisnetos. Publicou dezoito livros e escrevia regularmente nos principais veículos de imprensa. Em 2007 recebeu o Premio Jabuti pelo Livro "A Energia do Brasil". Será publicado no próximo mês o livro "O meu século - Brasil em que vivi", editado por José Luiz Alqueres pela Edições de Janeiro.