Avanços nos projetos de lítio e ferro

14/09/2021

A Brazil Minerals (BMIX) conquistou grandes avanços em seus projetos de lítio e ferro nas últimas semanas. A equipe de campo de geologia da empresa cruzou uma ampla camada de espodumênio, o principal mineral de lítio, em uma de suas áreas de projeto de lítio de rocha dura. Além disso, a BMIX mantém em andamento trabalhos de obtenção dos dados necessários ao primeiro relatório técnico com estimativa dos recursos de lítio. As informações obtidas com esses estudos ditarão como melhor desenvolver e comercializar os recursos identificados e a maneira mais benéfica de prosseguir em conversas com clientes e parceiros em potencial.

Separadamente, a Brazil Minerals, por meio de sua subsidiária com foco no ferro, espera receber em breve o relatório técnico sobre seu primeiro projeto de ferro da empresa de geologia independente responsável pela campanha de perfuração. As indicações preliminares apontam para 12 milhões de toneladas de recursos de minério de ferro, e os trabalhos estão em andamento para o planejamento de uma mina de ferro inicial. A subsidiária de ferro da empresa tem duas áreas adicionais de ferro de alto potencial separadas no conhecido distrito de mineração do Quadrilátero Ferrífero.

Além disso, a subsidiária Jupiter Gold da Brazil Minerals concluiu os estudos geológicos e ambientais necessários e está esperando a última licença necessária para iniciar as operações de sua primeira mina de quartzito. Já obteve o licenciamento comercial inicial do departamento de mineração. “Estamos muito satisfeitos com alguns dos resultados recentes obtidos. É um momento emocionante, pois estamos claramente progredindo em direção ao nosso objetivo de desbloquear o valor de nosso vasto portfólio de direitos minerais e, no devido tempo, nos tornarmos um produtor multi-mineral lucrativo”, disse Marc Fogassa, CEO da BMIX.