Pacote de financiamento de US$ 633 milhões

23/11/2021

A Horizonte Minerals fechou acordos de investimento e subscrição como parte de um pacote de financiamento abrangente de US$ 633 milhões para concluir a construção do projeto Araguaia. O pacote de investimentos inclui cerca de US$ 197 milhões de captação de recursos de capital - são aportes estratégicos entre aproximadamente US$ 65,0 e US$ 75,0 milhões de La Mancha e US$ 50,0 milhões da Orion em ações ordinárias recém-emitidas e a colocação de aproximadamente US$ 75 milhões de Ações Ordinárias recém-emitidas por meio da Colocação no Reino Unido e da Oferta Canadense. 

A empresa concordou ainda em assinar acordo de US$ 7 milhões com a Glencore em ações ordinárias recém-emitidas. A Horizonte emitiu Notas de Empréstimo Conversíveis de US$ 65 milhões como parte de seus investimentos estratégicos, Orion e La Mancha concordaram condicionalmente em subscrever US$ 50 milhões e US$ 15 milhões em Notas Conversíveis, respectivamente. 

A Orion está propondo que um membro de seu grupo forneça o Mecanismo de dívida de superação de custos de US$ 25 milhões para ser usado, se necessário, para a construção de Araguaia. O Mecanismo de Dívida de Superação de Custos Proposto está sujeito, entre outras coisas, à documentação definitiva e faria parte de um total de US$ 99 milhões em financiamento de superação de custos dedicado e financiamento de contingência para o Projeto. 

Conforme anunciado anteriormente, a Horizonte recebeu aprovações de crédito e uma carta de compromisso assinada no valor de US$ 346,2 milhões de dívida sênior de um consórcio de instituições financeiras internacionais (BNP Paribas, BNP Paribas Fortis, ING Capital LLC, ING Bank NV, Natixis, Filial de Nova York, Société Générale e Swedish Export Credit Corporation). O Fundo de Dívida Sênior proposto está sujeito, entre outras coisas, a diligência e aprovação de documentos definitivos, e compreenderá duas tranches: Tranche A, de US$ 146,2 milhões, será garantida por duas Agências de Crédito à Exportação (EKF), Agência de Crédito à Exportação da Dinamarca (EKF) e Finnvera plc, Agência de Crédito à Exportação da Finlândia (Finnvera); e Tranche B de US$ 200 milhões. Além disso, a mineradora pretende levantar até US$ 8 milhões por meio de uma oferta aberta aos detentores de ações ordinárias existentes. 

A Horizonte também anunciou que a Araguaia Niquel Metais Ltda, um membro do grupo da Companhia, assinou contrato condicional de dez anos com a Glencore (com as obrigações da Araguaia Ltda sendo garantidas pela Companhia), onde a Glencore se comprometeu a adquirir 100% da produção de ferroníquel do Araguaia nesse período (Contrato de Offtake). A assinatura do Contrato de Offtake é um requisito fundamental dos Credores e diminui significativamente o risco de fluxos de caixa futuros do Projeto. O Contrato de Offtake está condicionado, entre outras coisas, à conclusão da Assinatura da Glencore e ao ingresso pela Glencore em um contrato direto com os Credores em relação a questões típicas entre credores.

Além de sua participação na proposta de captação de recursos de capital, notas conversíveis e a provisão da linha de dívida de superação de custos proposta, uma afiliada da Orion também vai comprar um royalty de 2,1% da receita bruta do projeto Vermelho por dinheiro contraprestação à Companhia de US$ 25 milhões. A receita líquida da venda desse royalty será usada para fazer um estudo de viabilidade e permitir fluxos de trabalho no projeto Vermelho.

O BMO Capital Markets Limited está atuando como consultor financeiro exclusivo para a Companhia em relação ao Investimento Estratégico La Mancha e a Endeavor Financial está atuando como consultor financeiro exclusivo para a Companhia em relação aos investimentos sendo feitos pela Orion e o Fundo de Dívida Sênior Proposta. Norton Rose Fulbright LLP atuou como consultor jurídico da Empresa em relação a esses investimentos e instalações.

Philip Clegg, gerente de portfólio da Orion, comentou: “A Orion está extremamente satisfeita com a última arrecadação de fundos da Horizonte, com um comprometimento total de US$ 150 milhões. Após nosso investimento de US$ 25 milhões em royalties em 2019, este é o nosso segundo negócio com a Empresa e demonstra nossa confiança e apoio aos projetos de qualidade e à equipe de gestão da Horizonte. Esperamos aprofundar nossa parceria com a Horizonte conforme o Araguaia seja construído e o Vermelho avance para a construção”. Já Karim Nasr, CEO da La Mancha, disse que o investimento na Horizonte representa o primeiro aporte direto da La Mancha no espaço de metais básicos e EV. Ao longo de toda a nossa diligência, ficamos impressionados não só pela qualidade dos ativos, mas também pela equipe e pelo elevado padrão de trabalho realizado até à data. “A La Mancha foi atraída pelo potencial de crescimento orgânico, juntamente com a opção de produto de níquel de longo prazo para fornecer de forma sustentável os mercados de aço inoxidável e baterias”.